FUTEBOL AO VIVO

Judô: Beatriz Comanche conquista a medalha de bronze no Mundial Sub-21 em Portugal | NETVASCO

Judô: Beatriz Comanche conquista a medalha de bronze no Mundial Sub-21 em Portugal Quinta-feira, 05/10/2023 – 22:04 judocbj É BRONZEEEE! 🥉🇧🇷 Beatriz Comanche (57kg) dá um show em Odivelas 🇵🇹, vence a espanhola Adriana Salvador nas punições e conquista a medalha de bronze no Mundial Sub-21! Parabéns, @biacomanche! Braba demais! 💪 Campanha: ✅ Farangiz Redjepova 🇺🇿 ✅ Nino Loladze 🇬🇪 ✅ Julie Beurakens 🇳🇱 ❌ Riko Honda 🇯🇵 🥉 Adriana Rodriguez Salvador 🇪🇸 Fonte: Instagram CBJ Beatriz Comanche, da Umbra-Vasco, é bronze no Campeonato Mundial Júnior Integrante do Time Judô Rio venceu todas as lutas preliminares e só parou na semifinal, diante de japonesa, e venceu espanhola para conquistar a primeira medalha do Brasil na competição Beatriz Comanche, da Umbra-Vasco e do Time Judô Rio, brilhou em Odivelas, Portugal, e foi a responsável por conquistar a primeira medalha do Brasil no Campeonato Mundial Júnior, disputado em Odivelas, nesta quinta-feira, 05. A carioca de 19 anos teve uma campanha quase perfeita e conquistou a medalha de bronze no peso leve feminino (-57kg) com vitória nas punições sobre Adriana Rodriguez Salvador, da Espanha. “Essa medalha significa muito para mim. Estou muito feliz com essa conquista. Eu só tenho a agradecer a galera toda lá da Umbra que treina diariamente comigo. Gostaria de agradecer a minha família, a todos que torceram por mim, à CBJ também por essa grande oportunidade”, comemorou Comanche, que esteve acompanhada no pódio por uma das lendas do judô brasileiro, o bicampeão mundial João Derly. Bia estreou com vitória por ippon sobre Farangiz Redjepova, do Uzbequistão, finalizando a adversária com um estrangulamento. Em seguida, venceu Nino Loladze, da Geórgia, nas punições, e, com um ipponzaço sobre Julie Beurskens, da Holanda, chegou à semifinal. A judoca do Time Judô Rio fez uma luta equilibrada com a japonesa Riko Honda, e ficou muito perto da vitória nas punições, forçando dois shidô na adversária. Honda, contudo, encaixou uma projeção a quatro segundos do fim do combate, marcou um waza-ari e completou com imobilização para avançar à final. O ouro ficou com a italiana Veronica. Coube à brasileira, então, recuperar-se do revés e dar a volta por cima na disputa pelo bronze. Aguerrida, Beatriz conseguiu waza-ari faltando um minuto para o fim do combate. Mas, em seguida, cedeu o empate para a espanhola Adriana Rodriguez. Tudo igual em pontuações e, mais uma vez, Comanche foi na tática e forçou três punições para sair com a vitória e com a medalha. Bia é atleta da Umbra-Vasco da Gama, associação do Rio de Janeiro, onde é treinada pela sensei Soraya Amorelli e seus filhos André e Fabrício. A Umbra é um projeto social que tem parceria com o Clube de Regatas Vasco da Gama e atende crianças e jovens por meio do judô, tendo revelado já alguns nomes para o alto rendimento, como Pedro Medeiros (81kg) e a peso médio Luana Carvalho (70kg), titular da seleção brasileira. Time Judô Rio no Mundial Júnior Odivelas 2023 Outros representantes do Time Judô Rio também estão no Mundial Júnior 2023. Ainda nesta quinta, Gabriel Falcão (73kg/Instituto Reação) parou na estreia diante de Abubakr Sherov, do Tadjiquistão. A sexta-feira será o dia de Kauan dos Santos, 7º do ranking mundial Júnior no Meio-Médio (81Kg), que terá como primeiro adversário o vencedor de Vukan Stanimirovic (Sérvia) e Algirdas Zulys (Lituânia). O último nome do Judô Rio a competir nas disputas individuais será o Meio-Pesado (100Kg) Matheus Guimarães, duelando no sábado com David Dudy (República Tcheca). Com apenas 18 anos, o Mundial será apenas a segunda competição internacional de Matheus Guimarães na classe Júnior. Encerrando o Campeonato Mundial Sub-21, o domingo promove as disputas por Equipes Mistas. A transmissão do evento será realizada ao vivo pela JudoTV. Fonte: FJERJ

Fonte: www.netvasco.com.br/n/321647/judo-beatriz-comanche-conquista-a-medalha-de-bronze-no-mundial-sub-21-em-portugal